domingo, 14 de abril de 2013

O Amor está inserido na vida


A Vida não é eterna, mas, pode vir a ser
basta  encontrar o amor e se entregar
sorrir sempre mesmo que as lágrimas
escorram do seu olhar.

Há um rio  que leva em suas águas
a tábua da esperança, onde  viver 
é igualdade, e a vida é semelhança.

Só o  amor ensina uma cantiga
que rima a paz com auto-estima.
nenhuma pessoa que ama perde
a sua altivez, sua chama.

Há flores nos caminhos de quem ama
Há afeto no coração do ser amado
Há luz, há vida, há perdão

Quem vive de amor não fica doente
O amor  lhe dá forças para lutar e a chave
está na sua alma risonha e calma.
Quem tem amor usa a fé para  levantar
todos os dias bem cedo, a estes um presente
vê o sol nascer   atravessando o quintal
usando de uma infinita poesia. Como
encantamento de serpentes.

O amor sente  saudade dos velhos tempos
da infância, da roda  gigante e da ciranda
da traquinagem em uma engrenagem
que balança! em um passo de dança !
onde a fantasia se veste de imaginação
trazendo  o novo em cada amanhã.

O amor venceu todas as guerras
Com os corações apaixonados
na beleza que há no sonho encantado
de amar e de ser amado.

Enquanto existir um coração batendo
haverá um só desejo que se multiplica
encontrar um grande amor nesta vida.

O amor não pega ninguém, mas
amarra a vida a felicidade
desnude este  grande segredo
que vive  em  seu peito
use a chave sem medo.

E  veja, ou sinta   o  grande espetáculo
que o  amor ensina.
Neste  teatro-escola no centro
da memória a razão
da vida.